Improvisorama segue no Teatro Amil com atores do improviso

  • 27 de outubro de 2013
  • 0
  • 35 Views
Compartilhe:

Comemorando os oito anos do Teatro Amil, em Campinas, a Conteúdo Teatral está promovendo a 1ª edição do “Improvisorama” – Festival Nacional de Improvisação Teatral – com os melhores grupos e improvisadores do Brasil e da América Latina.

Os ingressos variam entre R$ 20,00 e R$ 50,00. O festival segue até 24 de novembro, com apresentações às sextas e sábados, às 21h e domingos, às 19h.

 
 

Confira os próximos espetáculos:

 
 

Dia 01/11
 
Notícias Improvisadas – com Cia. Barbixas de Humor
 
Elenco: Anderson Bizzocchi (do programa “Saturday Night Live”, na Rede TV), Daniel Nascimento e Elidio Sanna

 

Em espetáculo inédito, os Barbixas (conhecidos pelo espetáculo sucesso na Internet “Improvável” e por sua participação nos programas “Quinta Categoria”, na MTV, e “É Tudo Improviso”, na Band e no SBT) recebem da plateia jornais e revistas de qualquer tipo e data. Eles leem as notícias que servirão de inspiração para a Impro. Ao contrário dos jogos curtos de “Improvável”, as cenas se unem em uma grande história, resultante da pesquisa de formato longo que o grupo fez em participações em festivais no exterior (Portugal, Holanda, Chile, Colômbia, Canadá e EUA).

 
 

001829223-001
 
 

Dia 02/11
 
Jogando no quintal – Cia. do Quintal
 
Elenco (revezamento):
César Gouvêa, Alan Benatti, Claudio Thebas, Alvaro Lages, Caio Conceição,
Eugenio La Salvia, Denis Goyos, Igor Canova, Paulo Federal, Danilo Dal Farra,
Ernani Sanchez, Paola Musatti, Vera Abbud, Rhena de Faria, Tereza Gontijo, Nereu Afonso
 

A Cia. do Quintal nasceu com a estreia em São Paulo de “Jogando no Quintal” – jogo de improvisação de palhaços, que se mantém há 11 anos em cartaz e foi visto por mais de 300 mil pessoas. Com juiz, hino e estrutura de futebol, o jogo humorístico é disputado por dois times de três palhaços-atletas cada, acompanhado por uma banda que cria sons e melodias ao vivo. Os palhaços improvisam cenas a partir de temas sugeridos pelo público. Cada rodada é diferente e tem um desafio novo para os palhaços, como improvisar uma cena em 10 segundos e criar uma história. Ao final de cada rodada, a torcida vota no time que fez a melhor improvisação. Cada vitória vale um ponto e, assim, o placar é construído.

 
 

Dia 03/11
 
Batalha de Improvisação
 

Atores de diferentes grupos participantes da 1ª edição do festival Improvisorama atuam em jogos competitivos de improviso. “Seguindo os moldes do UFC, os atores ao invés de usar a força física empregam sua capacidade criativa para enfrentar e vencer os outros competidores, a partir do formato ‘Catch’, consagrado internacionalmente, criado pelo grupo Inedit Théâtre”, fala o curador artístico do evento, Ian Soffredini.

 
 

Foto: E3 Fotografia