Herson Capri e Priscila Fantin apresentam-se em Paulínia

  • 2 de junho de 2013
  • 0
  • 28 Views
Compartilhe:

11

Os atores Herson Capri e Priscila Fantin encenam o espetáculo “A Entrevista”, que acontece nos dias 08 e 09 de Junho (sábado e domingo), no Theatro Municipal de Paulínia.

Historicamente, o teatro sempre alimentou o cinema com atores e textos. Entretanto, o caminho inverso também já é notado ultimamente, como é o caso de “A Entrevista”, montagem dirigida por Susana Garcia, com adaptação de Euclydes Marinho. Com direção geral de Daniel Filho.

Baseada no filme homônimo de Theo Van Gogh, a partir do roteiro de Theodor Holman, produzido em 2003, a peça é uma comédia sobre o envolvimento entre Mariah (interpretada por Priscila Fantin), uma bela e famosa atriz de novelas, e Pedro Pierre (Herson Capri), conceituado jornalista político que foi designado para entrevistá-la. Ele é especialista em política internacional, já foi correspondente de guerra e é influente em Brasília, mas está em decadência.

Acostumado com o mundo da política mundial, Pedro Pierre vê-se diante de uma pessoa mais conhecida pelas fofocas nos tabloides do que pelo talento, fato que o deixa ofendido. Já ela é exuberante, tem um belo corpo e é conhecida pela enorme lista de homens que já namorou. Nesse choque de dois mundos, no entanto, os dois encontram uma conexão mais profunda. Durante a peça, fica evidente a atração entre eles e o que parecia ser apenas mais uma entrevista na vida de ambos, como tantas outras, acaba se tornando um sofisticado jogo de sedução.

No final dos anos 90, houve no Brasil uma expansão vertiginosa da cobertura jornalística da vida de celebridades. Em virtude desta valorização da “sociedade do espetáculo”, prática que gira em torno dos famosos e da exploração exacerbada de suas vidas particulares, o texto de Theodor Holman expõe esta relação conturbada (e por vezes mutualística) entre mídia social e as celebridades.

Completam a ficha técnica Paulo Cesar Medeiros (iluminação), Flavio Graff (cuja cenografia, toda baseada em estética e elementos de cinema, serviu de fio condutor para a direção de Susana Garcia) e Alexandre Elias (trilha sonora original). O espetáculo é fruto da associação entre a produtora de cinema Lereby (de Daniel Filho) e a Chaim Produções.

O espetáculo acontece no sábado às 21hs e no domingo às 19hs.

Imagem: Divulgação