Artigo: Dia Internacional do Meio Ambiente

  • 5 de junho de 2012
  • 0
  • 30 Views
Compartilhe:
Comemora-se nesta terça, 05/06, o Dia Internacional do Meio Ambiente e o Dia da Ecologia. O artista plástico Sidney Matias, radicado em Campinas, relata em um artigo sua indignação com o grave problema do desrespeito ao meio ambiente.

Na década de 90, Matias desenvolveu o painel “Extinção”, em tinta acrílica sobre tecido, chamando a atenção sobre o problema, antes mesmo da primeira Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (Unced), ocorrida em 1992, no Rio.

DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE – 05 de Junho

Em 1990, exatamente há 22 anos, criei um grande painel artístico chamado “Extinção”. Nesta época eu já denunciava através da minha arte, o momento irracional em que vivíamos em relação ao meio ambiente, natureza, animais e a própria vida. Por ser brasileiro, em especial a Amazônia.
O meio ambiente do Brasil vem sendo destruído desde quando os portugueses chegaram aqui. Os índios que aqui viviam não usavam a exploração de recursos naturais, por isso utilizavam recursos sustentáveis.
Depois do extermínio de muitos índios (verdadeiros brasileiros), os portugueses começaram com a devastação da nossa terra. Grandes destruições em florestas, retirando de nossas riquezas e começando assim a destruição do meio ambiente brasileiro e do mundo que vemos hoje.
Hoje com o mundo inteiro industrializado, sentimos na pele o problema grave que enfrenta o meio ambiente e vemos no futuro, infelizmente o fim. As duas grandes agressões ao meio ambiente são a econômica e a cultural.
Os cegos pela ganância e os ignorantes, destroem o que é vital e não percebem que a água, ar e clima não se compram em shoppings.
Os índios, conhecidos como “Povos não civilizados”, porém sábios sobre a importância da natureza na vida, ainda são marginalizados e desprezados.
Quanto aos diversos tratados e convenções mundiais em prol do meio ambiente, só terão resultados concretos quando os interesses comerciais forem abolidos.
É uma agressão do homem, para aquele que a tudo nos concedeu. O nosso Criador.

Sidney Matias

Imagens: Divulgação