Teatro Iguatemi Campinas tem programação infantil para as férias de julho

  • 24 de junho de 2016
  • 0
  • 28 Views
Compartilhe:

O Teatro Iguatemi Campinas preparou uma programação mais do que especial para garantir a diversão das famílias nas férias de julho. Confira:

 
 

OS DIREITOS DA CRIANÇA 2 - DNG
 
 

Dias 2 e 3 de julho
Musical Infantil: Bita e os Animais
Horários: sábado às 16h; domingo às 15h
Valores: R$70,00 (inteira); R$35,00 (meia-entrada)
Sinopse: A montagem teatral Bita e os Animais – O Espetáculo, uma parceria da Companhia Regina Vogue e com a Mr. Plot, produtora responsável pela criação do conteúdo Mundo Bita, traz aos palcos pela primeira vez o fenômeno que conquistou meninos e meninas por todo o país. O espetáculo é baseado nas animações do primeiro álbum do Mundo Bita, chamado Bita e os Animais, que recebeu o prêmio de DVD de Platina pela Sony Music. Sensação infantil que é sucesso no Discovery Kids, Netflix e YouTube, o Mundo Bita é um convite à imaginação, com músicas autorais, feitas para toda a família.O Mundo Bita é um planeta que fica na Galáxia da Alegria, ao lado do planeta Música, do planeta Circo e de muitos outros astros divertidos. A principal missão do Bita é fazer com que os seus amiguinhos tenham experiências de aprendizado de forma leve e atrativa. Todas as músicas têm foco nos diversos ambientes da natureza em que vivem diferentes espécies. Então, o Bita sai em suas viagens musicais interagindo com muitos tipos de animais, apresentando os habitats, os costumes e principais características dos bichos, sempre com muita alegria.

 
 

Dias 9 e 10 de julho
Espetáculo: Aladdim
Horários: sábado às 16h; domingo às 15h
Valores: R$ 50,00 (inteira); R$25,00 (meia-entrada); R$ 40,00 (antecipado)
Sinopse:Após o sultão ordenar que sua filha, a princesa Jasmine, ache um marido rapidamente, ela foge do palácio. Jasmine encontra um tipo meio malandro, Aladdin, que conquista seu coração. Porém ambos são achados por Jafar, o vizir do sultão. Jafar criou um feitiço para dominar o sultão e se casar com Jasmine. Além disto, finge que cometeu um engano e mandou decapitar Aladdin, que na verdade está vivo, pois Jafar precisa dele para conseguir uma lâmpada mágica, que é a morada de um poderoso gênio. Mas o plano de Jafar falha, pois Aladdin fica com a lâmpada graças à intervenção de um pequeno macaco, Abu, seu fiel mascote. Quando descobre que há na lâmpada um gênio poderoso, que pode se transformar em qualquer pessoa ou coisa e que lhe concederá três desejos, Aladdin planeja usá-los para conquistar Jasmine, sem imaginar que Jafar é um diabólico inimigo, que precisa ser detido.
O espetáculo conta com 06 músicas, cenários virtuais, Cenários Físicos e um Elefante com dois metros de altura. Além disso tem efeito especial de laser, Fumaça e papel picado e muita magia.

 
 

Dias 16 e 17 de julho
Musical Infantil: Estórias de cantar
Horários: sábado às 16h; domingo às 15h
Valores:R$ 50,00 (inteira); R$ 25,00 (meia-entrada); R$ 40,00 (antecipado)
Sinopse:Era uma vezuma banda estralante! Sonora, divertida e recheada de poesia! Tinha um maestro sério, mas engraçado, uma bailarina atrapalhada que gostava de inventar histórias, uma atriz que sonhava em tocar piano e adora uma palhaçada e dois roqueiros dorminhocos! São eles o Luca, a Lua, a Lil, o Mau e o Batata. Juntos formaram a Banda Estralo! Criaram o espetáculo “Estórias de Cantar”, com um repertório recheado de Música Popular Brasileira (MPB).Indicada ao Prêmio da Música Brasileira de 2016 a banda concorre na categoria melhor álbum infantil com seu primeiro CD que traz o mesmo nome do espetáculo “Estórias de Cantar” onde apresenta aos pequenos ouvintes alguns dos grandes compositores brasileiros como Chico Buarque, Toquinho, Jorge Ben Jor, além dos clássicos da MPB apresenta a música preferida dos fãs, a canção Caprichos do Tatu de Gustavo Kurlat. Conta ainda com as poesias de Vinícius de Moraes “O Relógio” e “A Bailarina” de Cecília Meireles. A Banda Estralo é formada pelos músicos Marcos Lucatelli, Maurício Damasceno, Ricardo Borim Batata e as atrizes Luanda Eliza e Lilyan Teles.

 
 

Dias 23 e 24 de Julho
Musical Infantil: “Canção dos Direitos da Criança”
Horários: sábado às 16h; domingo, às 15h
Valores: R$ 60,00 (inteira) e R$ 30,00 (meia-entrada)
Sinopse:O mais importante entre todos os trabalhos musicais do violonista, cantor e compositor Toquinho para o universo infantil, o disco Canção dos Direitos da Criança (interpretado por grandes nomes da Música Popular Brasileira, como Chico Buarque, Elba Ramalho e Leonardo) virou espetáculo musical. Com músicas de Toquinho e Elifas Andreato, o espetáculo, uma realização da Script Produções, tem texto e direção de Carla Candiotto, cenário e figurino de Marco Lima, luz de Wagner Freire e direção musical e arranjos vocais de Daniel Rocha. Inspirados na Declaração Universal dos Direitos da Criança, Toquinho e Elifas compuseram dez músicas para os dez princípios aprovados pela Assembleia Geral das Nações Unidas, em novembro de 1959. Para dar vida às canções e encenar o espetáculo, a diretora Carla Candiotto (prêmios APCA e Coca-Cola Femsa) foi buscar na história a origem dos direitos da criança.

 
 
OS DIREITOS DA CRIANÇA 2 - DNG
 
 

Dias 30 e 31 de julho
Espetáculo: A Bela Adormecida
Horários: sábado às 16h; domingo às 15h
Valores: R$ 50,00 (inteira); R$25,00 (meia-entrada); R$ 40,00 (antecipado)
Sinopse:Os súditos do Rei Estevão e da Rainha Vitória estavam felizes com o nascimento da Princesa Aurora. No dia do seu batizado a Fada Madrinha ofereceu-lhe três presentes: beleza, sabedoria e… De repente, a Bruxa Malévola apareceu e por não ter sido convidada, profetizou: “Esta menina, ao completar 16 anos, tocará o dedo numa roca de fiar e morrerá”. A Fada Madrinha, como o terceiro e último presente amenizou a profecia: “Ela não morrerá, ficará adormecida até que seja despertada pelo beijo de seu verdadeiro amor”. Imediatamente, o Rei ordenou que fossem queimadas todas as rocas, e consentiu que Aurora fosse criada pela Fada Madrinha, escondida na floresta, visando proteger Aurora da terrível maldição da Bruxa. E assim passaram-se 16 anos. Um dia, o Príncipe Felipe conheceu uma camponesa na floresta e apaixonaram-se, sem saber que já estavam prometidos um ao outro pelos Reis. Malévola ao saber que Aurora tinha retornado ao Castelo, oferece a roca à Princesa, que toca o dedo e cai adormecida. Em seguida prende Felipe na masmorra do Castelo para que ele não pudesse despertar a Princesa. Com a ajuda da Fada Madrinha, Príncipe Felipe é libertado e vence heroicamente a Bruxa Malévola, em forma de Dragão, com sua espada. Ao saber que Aurora está adormecida no palácio, o Príncipe Felipe corre ao encontro de sua amada e Bela Adormecida, despertando-a do encantamento.

 
 
Informações – F: (19) 3294-3166
 
 
 

Fotos: João Caldas