Otto Felix apresenta seu ambiente na Campinas Decor 2013

  • 22 de abril de 2013
  • 0
  • 29 Views
Compartilhe:
Baseada nas tradicionais casas de drinks e tapas da Espanha, a proposta do arquiteto urbanista Otto Felix para o Campinas Decor 2013 – principal mostra de Arquitetura e Decoração do interior de São Paulo – é o ousado, porém sofisticado, Bar Nosotros.

Erguido no jardim do Casarão que abriga a mostra – que acontece de 26 de abril a 9 de junho no Alto Taquaral – o ambiente abusa da arquitetura construtiva e transforma vigas de madeira, cacos de pedra e estruturas de gesso em um charmoso e elegante bar de tapas, como são conhecidos os petiscos nos países ibéricos.
Por meio de angulações variadas e estruturas multifacetadas, Otto Felix leva para a mostra deste ano um ambiente moderno, audacioso, porém que mantém a elegância e o estilo europeus.
Primeiro lugar na Categoria “Arquitetura” da premiação do Campinas Decor no ano passado, Otto Felix optou agora por um projeto diferenciado, que exponha sua criatividade, mantendo a elegância e sofisticação, que são traços constantes da mostra. “Em 2011, na minha primeira experiência na Decor, criei um ambiente artístico, abusando das formas, cores e design. No ano passado, levei para a Decor um projeto residencial diferenciado – um loft – com o tema ‘caverna do cavaleiro’. Este ano optei por um projeto comercial, que é minha especialidade, com traços marcantes e muita personalidade”, conta Otto.
Com 140 m², o Bar Nosotros deve funcionar como um ponto de encontro dos visitantes, onde é possível degustar drinks e alguns petiscos. Com quatro ambientes diferenciados, a entrada é uma espécie de varanda, com poltronas e mesinhas de centro. O balcão, com 8m de comprimento, é um dos destaques. Totalmente facetado, com diferentes angulações, cria uma composição diferenciada com a parede de fundo do bar, composta por uma estrutura metálica, revestida com gesso também multifacetado e recortado, formando uma escultura.
Na lateral, uma parede formada por cacos de pedra de São Tomé, que se encaixam como em um quebra-cabeça, finaliza a composição. “Minha intenção é mostrar a diversidade cultural dos países do Mediterrâneo, enfocando inconscientemente a atual crise econômica que estão vivenciando”, explica Otto.
Utilizando-se do conceito de Arquitetura Sustentável, já que 100% dos materiais empregados na composição do ambiente serão reaproveitados, Otto optou pela madeira, cacos de pedra, gesso e estruturas metálicas para criar o bar. Uma lareira e uma adega junto à parede de pedra também compõem o projeto, que conta ainda com um espaçoso lounge de sofás modulados, que criam quatro ambientes distintos para os visitantes.
Imagens: Divulgação