O espetáculo “Subversões 21 – Stand up Music”, com Aloísio de Abreu, Luiz Salem e Stella Miranda, fica em cartaz do dia 6 a 29 de Julho (sexta a domingo), no Teatro Amil, em Campinas. 





O musical, que comemora 21 anos desde a primeira apresentação, já rodou os quatro cantos do Brasil. Essa é a sexta montagem do espetáculo, com direção de Stella Miranda e direção de arte de Gringo Cardia, que manteve, assim como as demais montagens, seu formato e proposta originais. 


 O espetáculo reúne clássicos com versões próprias cheias de comicidade, como ‘My Way’, eternizada na voz de Frank Sinatra; ‘Tempos Modernos’, de Lulu Santos, ‘Pentelho’, que se apropria da música Cabelo, de Arnaldo Antunes; ‘Vai Pastar’ ,versão de Vai Passar, de Chico Buarque; além de uma surpresa inédita em homenagem à cantora Sandy. 



 Nessa montagem são apresentadas algumas novidades, como por exemplo, a versão criada da parceria de Aloísio de Abreu e Luis Salem com Nelson Motta da ‘Festa de Arromba’ de Erasmo Carlos, que virou ‘Arrombou o Cofre’, além de ‘Preconceito Não’, versão de ‘Je ne Regrette Rien’ de Edith Piaf, ‘Político em Lágrimas’, versão de ‘Nuvem de Lagrimas’ de Chitãozinho e Xororó e ‘É Hoje’, versão do samba enredo da União da Ilha que profetiza as surpresas da Copa de 2014 no Brasil. 


 A criatividade e o espírito jocoso continuam afiados, provocando muitas gargalhadas. Com novidades no figurino, o estilista Victor Dzenk desenhou modelos exclusivos para a diretora Stella Miranda, que agora está de volta ao elenco. 


 O espetáculo acontece às sextas e sábados, às 21hs e aos domingos, às 19hs.




Imagem: Divulgação