A IESC (Iguatemi Empresa de Shopping Centers), em parceria com a Participações e Comércio Anhumas, anunciou no último dia 07/10, a expansão do Galleria Shopping, em Campinas. Os dois grupos investirão R$ 30,4 milhões no projeto.

O lançamento oficial da expansão do shopping foi feito em coletiva à imprensa pelo presidente da IESC, Carlos Jereissati Filho, e pelo diretor administrativo-financeiro da Anhumas, Luís Roberto Coutinho Nogueira. “Nos últimos 3 anos o shopping cresceu e evoluiu enormemente e, neste tempo, mais de 70 lojas passaram a fazer parte do Gallleria. Portanto é uma satisfação anunciar esta expansão”, disse Carlos Jereissati Filho.

Com sua arquitetura diferenciada, marcada por um grande vão central a céu aberto e um jardim interno de mais de 7 mil metros quadrados, o shopping – inaugurado em 1992 – destaca-se como um dos mais sofisticados centros de compras do país e foi o responsável por introduzir no Brasil o conceito definido pelos norte-americanos como “lifestyle”, ou estilo de vida, por ser um shopping aberto (“open mall”) .

A ampliação acrescentará 8,2 mil metros quadrados de Área Bruta Locável (ABL) ao empreendimento, divididos em dois pavimentos, que abrigarão 63 novas operações (incluindo lojas âncoras, mega lojas,  operações satélites e restaurantes). Também serão oferecidas mais 173 vagas cobertas e 590 vagas descobertas de estacionamento.
 
O fato de haver vários condomínios e edifícios residenciais e comerciais na área que circunda o shopping também deverá trazer um público fiel para usufruir do novo centro de compras. “O projeto de expansão vem em um momento de grande desenvolvimento imobiliário no entorno do Galleria”, acrescentou Luiz Roberto Nogueira.
Segundo Jereissati, as obras de expansão do Galleria Shopping devem iniciar-se em janeiro de 2011 e ser finalizadas ao fim deste mesmo ano, ou até abril de 2012. A parte já existente do shopping também passará por mudanças. “Esta parte será melhor iluminada e também faremos a revitalização de algumas áreas”, explicou.  A nova ala a ser construída manterá o mesmo tipo de paisagismo da atual.

Carlos Jereissati Filho adiantou que a expansão do shopping conterá principalmente lojas diferenciadas, restaurantes e uma mega livraria. “Os consumidores querem espaços inéditos e exclusivos”, explicou.

Ao final das obras, o Galleria Shopping passará a contar com um total de 203 lojas. Com a ampliação, a expectativa é que o número de visitantes do empreendimento passe da média mensal de 500 mil pessoas para 600 mil pessoas por mês. “Esperamos um aumento de público de no mínimo 20 a 25%”, disse Jereissati .”Acredito que será o shopping mais bonito que o Brasil terá em termos de open mall“, completou.

                
  Carlos Jereissati Filho e Luís Roberto Coutinho Nogueira durante o evento

             

Imagem aérea de como ficará o Galleria Shopping após a expansão
Perspectiva do novo complexo do Galleria Shopping

Confira mais fotos:

               

                            

                

Fotos: Letícia Zuppi e divulgação

Deixe uma resposta