Pratos que revelam os segredos das receitas trazidas por imigrantes, shows, danças típicas, exposição e missa rezada no idioma italiano são alguns dos atrativos que transformam Vinhedo em um “pedacinho” da Itália no Brasil. O Parque Municipal Jayme Ferragut recebe nos dias 2, 3, 9 e 10 de junho, sábados e domingos, a 1ª Festa Italiana.

O evento chega com a proposta de resgatar a cultura e as origens italianas, que fazem parte das raízes da história de Vinhedo. A programação, sempre das 12h às 22h, convida o público à uma viagem às influências, à culinária e aos costumes trazidos da “Terra da Bota”.

 
 
fiv1
 
 

Gastronomia, vinhos e aulas-show são diferenciais

 
 

Quem passar pelo Parque Jayme Ferragut, recinto conhecido por receber a Festa da Uva, vai encontrar o espaço ambientado pelo artista plástico Wagner Pavarin.

É nesse ambiente que começa a ser contada a história dos imigrantes italianos, que chegaram a Vinhedo a partir de 1880. Eles desembarcaram de navios, vindos principalmente de Napoli, Trieste, Veneza e Padova, e elegeram as terras férteis do interior paulista como o novo lar.

O vinho oficial do evento é o Dom Bosco, marca da CRS Brands, uma das patrocinadoras da festa. As vinícolas Famiglia Bacetti, Ifanger e Ferragut estarão representadas com vinhos e sucos de uva produzidos em Vinhedo de forma artesanal há décadas.

 
 
fiv2
 
 

A praça de alimentação, com mais de 15 expositores, traz um diversificado cardápio. Chefs e cozinheiros de Vinhedo e também de cidades vizinhas, resgatam pratos típicos, desde a polenta com ragu especial, que será apresentada pela chef Carminha Nardon, muito conhecida na cidade, até a “vera”, pizza siciliana do chef Nicoló Ferdico, da Taverna do Chef Nico. Para a festa, além das pizzas, o chef apresenta ao público sua famosa lasanha, que leva ragu de carne suína e o verdadeiro cannoli.

Outras atrações gastronômicas do evento são as massas frescas da Pasta Per Tutti, comandada pelos chefs Fidel Sanches e Fernanda Mercadante, como o nhoque e o raviolli de limão siciliano e o delicioso Polpettone.

Pratos como o porco espalmado, do Apaixonado por Churrasco, o canelone genovese, do Cadi Matone, a fogazza, da chef Vivi Góes e do chef André Vanini, prometem deixar no ambiente o gostinho de “quero mais”.

Uma ilha dedicada às massas secas, os sanduíches de porchetta e frango frito com polenta frita, entre outras iguarias, também incrementam a rica diversidade culinária do evento, que foi especialmente selecionada pela curadora gastronômica Renata Tannuri, da Elo Produções.

 
 

fiv3

 
 

Aulas-show

 
 

A 1ª Festa Italiana de Vinhedo ainda traz como atrativo dentro de seu parque gastronômico, aulas-show com típicas receitas italianas. Estão confirmados Carminha Nardon com “Penne ao molho Carmella”, o chef Manuel Alves Filho, autor do livro “50 Memórias, 50 Sabores – A cozinha ancestral de quem ajudou a construir a Unicamp” ao lado do chef Boulanger Eriksen Koji Miyasaki numa aula Ítalo- Caipira, preparando um pão italiano que será recheado com ragu de pernil suíno e toque de pesto de salsinha.

O chef Erick Alsaro, do restaurante italiano Duo Bruschetteria & Botegga, em Campinas, também confirmou presença e ensinará o público e preparar a verdadeira receita de risoto.

 
 

Programação cultural abrilhanta a festa

 
 

Danças típicas e apresentação de corais também fazem parte do repertório cultural da 1ª Festa Italiana de Vinhedo. Dentro da programação musical, quatro shows estão programados. As apresentações acontecem nas noites dos sábados e nas tardes dos domingos.

Sobem ao palco cantores consagrados como Ivano Italianíssimo, na noite de abertura, no sábado (2), às 18h, Fred Rovella Banda Show, no domingo (3), às 14h; o conhecido das festas italianas Toni Angelli, no sábado (9), às 19h; e Via Roma, no domingo (10), às 14h.

Ainda dentro da programação, uma missa será celebrada no domingo (10), às 12h, no idioma italiano. A cerimônia conta com as vozes do Coral Santana.

Outros destaques da festa são as exposições e um posto informativo gratuito para quem deseja obter a cidadania italiana. A Associação Italiana Vinhedense, sob a direção de Juliano Gasparini, traz um acervo de imagens históricas dos áureos tempos da imigração e objetos que marcaram época. A associação, que completa 116 anos em junho, cedeu fotografias das mais de 60 famílias associadas para que a organização do evento possa prestar homenagens nas redes sociais da festa.

Uma outra exposição fotográfica no recinto da festa traz pontos turísticos da Itália. São painéis da Expo Italy Eventos, empresa que possui escritórios no Brasil e na Itália, que poderão ser utilizados pelos visitantes para selfies.

Para animação dos “bambinos”, será montada uma ampla área kids, com brinquedos infláveis e monitores especializados.

 
 

Fotos: Guillermo White