Um dos mais premiados e aclamados espetáculos da Broadway, Master Class, chega Campinas, a partir do dia 27 de novembro, no Teatro Brasil Kirin. A peça fica em cartaz até o dia 13 de dezembro, com apresentações às sextas-feiras e sábados, às 21h, e aos domingos, às 19h. A produção será estrelada por uma das maiores atrizes do teatro, cinema e televisão brasileira: Christiane Torloni interpretando a maior cantora de óperas de todos os tempos, a lendária, “La Divina”: Maria Callas. A produção local é da BR Produtora.

Master Class é uma comédia-dramática escrita pelo premiado autor norte americano Terrence MacNally, que chega ao Brasil e conta com a direção do encenador brasileiro José Possi Neto, sob a direção musical do Maestro Fábio G. Oliveira, ambos à frente de um grande elenco formado por consagrados atores/cantores do atual cenário teatral brasileiro. O espetáculo conta com as sopranos líricas Julianne Daud (Beijo da Mulher Aranha, New York, New York) e Bianca Tadini ( Evita, O Rei e Eu, West Side Story), o tenor Leandro Lacava (Avenida Q, Meu Amigo Charlie Brown), o ator e pianista Thiago Rodrigues, além dos cantores Thiago Soares e Jayana Gomes Paiva.

 
 

FOTO_MARCOS_MESQUITA-1[1]
 
 

Sinopse

 
 

Terrence MacNally baseou o enredo de Master Class nas lendárias séries de aulas magnas (máster classes), proferidas pela diva maior da ópera mundial a grega-americana Maria Callas, no início dos anos 70, na Julliard School; famosa escola de música de Nova York.

Na peça, Callas repreende os alunos da mesma maneira enérgica com que os encoraja, ao mesmo tempo em que confronta os desapontamentos e dissabores de sua própria vida e de seu relacionamento com o célebre bilionário, o armador grego Aristóteles Onassis.

De forma genial e habilidosa, o público ri e se emociona com este que é considerado um dos mais belos textos da literatura teatral de todos os tempos e que, desde a sua estreia há vinte anos, tem angariado legiões de fãs, emocionando e fazendo rir plateias de todo o mundo.

 
 

O espetáculo

 
 

Master Class é um dos poucos espetáculos produzidos na Broadway a alcançar enorme sucesso internacional, tendo sido realizadas nada menos do que 598 apresentações apenas em sua temporada de estreia, em 1995, quando então recebeu o prêmio Desk Drama Award de “Melhor Espetáculo da Broadway”, além de três prêmios Tony Award (o Oscar do teatro americano): “Melhor Atriz” (para Zoe Caldwel), “Melhor Atriz Coadjuvante” (para Audra MacDonald) e o cobiçado prêmio de “Melhor Espetáculo da Broadway”.

Após a sua estrondosa temporada de estreia, Master Class percorreu o mundo, tendo sido apresentado em quase uma centena de países tão diferentes como Japão, Polônia, Alemanha, Coréia, Itália, Espanha, Portugal, Filipinas, Grécia além dos principais centros teatrais do mundo, como o West End em Londres e Paris, onde o papel de Maria Callas foi interpretado pela grande atriz francesa Fanny Ardant, sob a direção de Roman Polansky.

Atualmente, está em andamento em Hollywood a adaptação de Master Class para as telas do cinema, tendo como protagonista a grande atriz Meryl Streep.

 
 
FOTO_MARCOS_MESQUITA-4[1]
 
 

Patrocínio

 
 

O Circuito Cultural Bradesco Seguros, através de patrocínios e apoios, estimula a produção cultural no país, incentiva a realização de projetos ligados à arte e cultura, contribuindo para o bem coletivo e buscando o aprimoramento da sociedade. O Circuito Cultural é uma iniciativa do Grupo Bradesco Seguros, que oferece diversificado calendário de eventos artísticos, nacionais e internacionais, sob diferentes áreas culturais, difundindo cultura e entretenimento ao público brasileiro.

Uma das diretrizes da Transmissora Aliança de Energia Elétrica S.A. é otimizar da melhor maneira possível a aplicação dos recursos destinados a Projetos Culturais e de Responsabilidade Social. Os projetos, atualmente patrocinados pela Empresa, são incentivados por meio dos benefícios oriundos da “Lei Rouanet”, da “Lei do Esporte” e da “Lei do Audiovisual.

 
 
Ficha Técnica
 
 
Texto: Terrence MacNally

Tradução: Bianca Tadini & Luciano Andrey

Direção de Cena: José Possi Neto

Direção Musical: Maestro Fábio Gomes de Oliveira

Assistente de Direção de Cena: Vanessa Guillén

Cenografia: Renato Theobaldo

Figurinos: Fabio Namatame & Claudeteedeca

Diretor Técnico: Jorge Luiz Albuquerque Basto

Produção: Elza Regina Costa

Assistente de Produção: Vanessa Campanari

Produção Local: BR Produtora​

 
 
FOTO_MARCOS_MESQUITA-2[1]
 
 
Elenco e personagens:
 
 
Maria Callas: Christiane Torloni

Sharon Graham: Julianne Daud

Sophia De Palma: Bianca Tadini

Anthony Candolino: Leandro Lacava

Emmanuel Weinstock: Thiago Rodrigues

Contrarregra/Tenor Substituto: Thiago Soares

Soprano Substituta: Jayana Gomes Paiva
 
 

O Teatro Brasil Kirin – Shopping Iguatemi Campinas localiza-se à Av. Iguatemi, 777 – Vila Brandina

Preços: ​

Sexta-feira – R$ 80 (inteira) – R$40 (meia-entrada)

Sábado e Domingo – R$ 90 (inteira) – R$40 (meia-entrada)

Bilheteria: de terça-feira a sábado, das 13h às 21h, e domingos das 12h às 20h, ou pelo site ingresso.com.br

 

Informações: (19) 3294-3166

 
 
Sobre a BR Produtora
 
 

A BR Produtora, criada pelo produtor cultural Radamés Bruno, com mais de 30 anos de experiência, tem realizado inúmeras ações culturais em todo Brasil. À sua história somam-se mais de 1.200 eventos e espetáculos apresentados, entre eles o maior fenômeno do teatro brasileiro, a peça “Trair e Coçar é só Começar”, de Marcos Caruso.

A empresa tem em sua história turnês de renomados artistas brasileiros, entre eles Marisa Monte e o ícone Roberto Carlos, além de artistas internacionais, como Deep Purple, Roger Hodgson (Supertramp) e Julio Iglesias, e ainda realiza exposições internacionais como “O Fantástico Corpo Humano”.

 
 
 
Fotos: Marcos Mesquita